Pesquisar este blog

quinta-feira, 14 de março de 2013

Notícias até 14-03-2013 às 05:07:50

Em busca de liderança, Santa Cruz recebe o Chã Grande no Arruda
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

Gazeta

Santa Cruz tenta a terceira vitória consecutiva na competição e vai contar com o meia Natan para a partida

Lutando pela liderança do Campeonato Pernambucano, o Santa Cruz entra em campo nesta quinta-feira, às 20 horas (de Brasília), no Arruda, pela sexta rodada do segundo turno do Estadual, contra o Chã Grande. A equipe comandada pelo técnico Marcelo Martelotte tenta a terceira vitória seguida na competição. Para isso, o Tricolor conta com o meia Natan, que saiu lesionado na partida contra o Central, na última segunda, mas não deve desfalcar a equipe.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Não foi nada demais. Foi uma dividida com um jogador do Central. Tentei voltar, mas senti um desconforto, então achei melhor sair do jogo", disse Natan.

O jogador disse ter ficado chateado por ter recebido o cartão amarelo quando saía de maca. O juiz considerou que o meia estava simulando a lesão para retardar o reinício da partida, vencida por 2 a 0 pelo Santinha.

"Fiquei chateado porque eu saí e tentei voltar, mas não aguentei. Então caí no chão para a maca me tirar de campo. Ele havia me ameaçado, mas eu não acreditei que fosse me dar cartão por isso. Sem necessidade, fiquei pendurado", reclamou.

Natan comemora a sequência de 13 jogos consecutivos nesta temporada, e sonha marcar um gol no jogo desta quinta . "É a minha maior sequência de jogos no clube e espero colher os frutos disso. Estou devendo meu gol, e espero desencantar contra o Chã Grande."

Na outra partida desta quinta-feira, também às 20 horas (de Brasília), o Central jrecebe o Serra Talhada, que tenta somar pontos para entrar no G4 e se classificar às semifinais do Pernambucano.



--------------

De volta ao Alcides e desfalcado, Fortaleza tenta manter 100%
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

Gazeta

Fortaleza encara o Guarany de Sobral para seguir na ponta do Campeonato Cearense

Depois de dois anos, o Fortaleza volta a atuar no Alcides Santos. Depois de encerradas as reformas que vinham desde o começo de 2011, o estádio receberá a partida entre o Tricolor e o Guarany de Sobral, marcada para as 20h15 (de Brasília) desta quinta e válida pela terceira rodada do segundo turno do Campeonato Cearense. Os anfitriões são a única equipe com 100% de aproveitamento, enquanto o Cacique vem com cinco pontos, no meio da tabela.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Vai ser bom poder jogar aqui com o apoio da torcida. Sabemos que a pressão é grande para cima do adversário, pois a torcida fica bem próxima. Esperamos fazer um bom jogo", disse o zagueiro Fabrício.

Mas se a volta ao Alcides pode ajudar o Fortaleza, o técnico Hélio dos Anjos tem diversos desfalques para montar a equipe. O treinador não poderá contar com o zagueiro Ciro Sena, os meias Jackson Caucaia e Alex Maranhão e o atacante Leandro Rômulo estão lesionados, enquanto o volante Esley cumpre suspensão.

Também às 20h15, Ferroviário e Horizonte, ambos no G-4, duelam no Elzir Cabral. Ao mesmo tempo, Guarani e Tiradentes, respectivamente último e penúltimo colocados da tabela, se enfrentam para fugir das últimas posições.



--------------

Sem marcar há três jogos, Palmeiras pega o Paulista buscando "caprichar" mais
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

iG São Paulo

Equipe de Gilson Kleina tem criado bastante, porém não vem conseguindo fazer gols. Palmeira tem 17 pontos e ocupa a 7ª posição do Campeonato Paulista

Em jogo atrasado da 10ª rodada do Campeonato Paulista, o Palmeiras tem nesta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), contra o Paulista, no Pacaembu, a chance de mostrar que pode ser superior em campo e, também, vencer. Sem ganhar nem marcar gols nos últimos três jogos, a equipe tenta "caprichar" para somar três pontos.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Nos últimos jogos, chegamos bem na frente, os atacantes criaram, limparam as jogadas... Não dá nem para reclamar do último passe, o problema foi chute a gol. Faltou perfeição, faltou caprichar", constatou Márcio Araújo, um exemplo da má fase do ataque, já que, mesmo sendo volante, é um dos artilheiros do time com três gols no ano.

Leia mais: Mancha chama Nobre de "covarde" e "iludido" e se nega a retomar relações

Nas partidas de 'seca', a equipe perdeu por 2 a 0 para o Libertad, no Paraguai, e por 1 a 0 para o Tigre, na Argentina, ambos pela Libertadores. No domingo, mesmo com um a mais durante quase todo o segundo tempo, ficou no 0 a 0 com o São Paulo no Morumbi. "Se capricharmos mais, com certeza as coisas vão mudar e não só quem vem de trás, mas os atacantes também vão fazer gol", apostou Márcio Araújo.

Na escalação, Gilson Kleina promove mudanças para aumentar a ofensividade do time. Em relação a quem entrou em campo no clássico do fim de semana, o volante Charles sai para a retomada do 4-2-3-1 com Patrick Vieira aberto pela direita. Kleber segue centralizado como centroavante, assim como Valdivia na armação. As dúvidas estão do lado esquerdo.

Na lateral, Juninho, aprovado por sua atuação no domingo, e o volante Marcelo Oliveira, suspenso no Choque-Rei, disputam a posição. Na frente, Vinicius e Leandro são as opções. O meio-campista Souza e o atacante Maikon Leite, que poderiam ser alternativas, seguem vetados por contusão.

A necessidade de vitória fica clara para o clube não se complicar. O Verdão tem um jogo a menos do que seus concorrentes e ocupa a sétima posição. Caso tropece no Pacaembu - onde conquistou sua última vitória, sobre o União Barbarense, no dia 24 -, corre o risco de sair da zona de classificação para as quartas de final no fim de semana.

Do outro lado, o Paulista tenta ficar mais perto dos oito primeiros colocados do que da faixa que define os rebaixados. A distância para as duas zonas é de quatro pontos. Após perderem do Penapolense no fim de semana, os comandados do técnico Giba se apoiam em seu desempenho diante do Santos no Pacaembu, com vitória mesmo com Neymar em campo.

"O Paulista já mostrou que tem condições de surpreender. Já mostramos isso contra o Santos. Claro que são equipes diferentes, mas temos que colocar isso na nossa cabeça e confiar no nosso potencial", disse o lateral direito Hudson, que estreou no sábado e ainda continuará na reserva.

Sem desfalques, Giba tem dúvidas no meio-campo entre Alan Mineiro e Diego Marangon. A zaga, apesar dos erros em Penápolis, deve continuar sendo formada por Lázaro e Dráusio.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X PAULISTA

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 14 de março de 2013, quinta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Maiza Teles Paiva (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Adriano de Assis Miranda e Leandro Carvalho da Silva (ambos de SP)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Weldinho, Henrique, Mauricio Ramos e Marcelo Oliveira (Juninho); Vilson, Márcio Araújo; Patrick Vieira, Valdivia e Vinicius (Leandro); Kleber
Técnico: Gilson Kleina

PAULISTA: Richard; Thales, Lázaro, Dráusio e Rodolfo Testoni; Kasado, Diego Marangon (Alan Mineiro), Hudson e Renato Ribeiro; Cassiano Bodini e Marcelo Macedo
Técnico: Giba



--------------

No Paraná, Atlético-PR fecha a rodada diante do lanterna Nacional
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

Gazeta

Equipe sub-23 do Atlético-PR fez campanha irregular no primeiro turno, mas tenta se recuperar no returno do Paranaense

Mesmo no sufoco, o time sub-23 estreou com vitória no returno do Campeonato Paranaense 2013. Agora, para mostrar que ainda sonha com o título, precisará bater o lanterna Nacional de Rolândia, em casa, fechando a segunda rodada, nesta quinta-feira, às 15h30 (de Brasília), no Eco Estádio Janguito Malucelli, em Curitiba.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O técnico Arthur Bernardes não contará com o meia Zezinho e o volante Renato, que vinha atuando como lateral direito. Hernani pode ser adiantado para o meio campo, atuando ao lado de David Henrique, Renan Foguinho e Harrison. Na direita, Léo ficaria com a vaga, enquanto na esquerda, após cumprir suspensão automática, Héracles retorna naturalmente ao time.

O meia Hernani sabe que a euforia por cada vitória se encerra antes do próximo jogo começar, mas mostra confiança para bater a equipe de Rolândia. "Então vamos buscar mais uma vitória. Cada jogo é um jogo. Respeitamos o Nacional, mas vamos procurar fazer o nosso papel e ganhar os três pontos", afirmou.

O Nacional ainda não conseguiu nenhuma vitória no Estadual, tendo somado apenas um ponto no primeiro turno, amargando de forma isolada a lanterna na classificação geral. A fuga do rebaixamento só acontecerá com uma arrancada que precisará de um marco para começar. Esse é o objetivo do NAC em Curitiba, ou seja, conseguir seus primeiros três pontos diante de um time de expressão de embalar para não retornar à Série Prata.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO PARANAENSE X NACIONAL

Local: Eco Estádio Janguito Malucelli, Curitiba (PR)
Data: 14 de março de 2013, quinta-feira
Horário: 15h30 (de Brasília)
Árbitro: Rafael Pedro Feza
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Fabrício da Silva Martins

ATLÉTICO: Santos; Léo, Erwin, Bruno Costa e Heracles; Renan Foguinho, Davi Henrique, Hernani e Harrison; Douglas Coutinho e Junior de Barros
Técnico: Arthur Bernardes

NACIONAL: Vinicius; Baiano, Edimar, Cristian e Guaru; Fernandinho (Jamaica), Doriva, Bruno Flores e Tiago Henrique (Lacraia); Gustavo e Tharles
Técnico: Dirceu Mattos.



--------------

Boca Juniors busca reação contra Nacional. San José volta a jogar em Oruro
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

Gazeta

Equipe de Carlos Bianchi tem apenas três pontos no Grupo 1 e está em situação complicada na chave

O Boca Juniors está mais uma vez em situação desconfortável na Copa Libertadores da América. Como já aconteceu em outras edições do torneio, o clube argentino se vê em perigo nesta fase de grupos e, para evitar um panorama desesperador, necessita da reação contra o Nacional, nesta quinta-feira, no estádio Centenário.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O time do técnico Carlos Bianchi tem apenas três pontos no Grupo 1, enquanto os uruguaios aparecem como sete. A pressão sobre os portenhos é ainda maior por conta da derrota na rodada passada diante do próprio Nacional, na Bombonera. Agora, para reagir, o Boca tem de acabar com um longo jejum no Centenário, onde não vence desde 1990.

De lá para cá, o clube de Buenos Aires atuou seis vezes no estádio, acumulando três derrotas e três empates. Com apenas um triunfo em três rodadas desta fase de grupos, o atual vice-campeão da Libertadores encara o jogo em Montevidéu como uma decisão para suas pretensões no torneio."É uma final e temos de jogá-la como tal. Vamos estar atentos e buscaremos os três pontos", afirmou Clemente Rodríguez. Nos primeiros treinos da semana, Bianchi não pôde contar com Riquelme, entregue ao departamento médico por conta de uma gastrenterite, mas o meia se recuperou e está confirmado.

Enquanto o Boca precisa do resultado positivo para sobreviver, o Nacional pode ficar ainda mais confortável se derrotar os argentinos mais uma vez. Apesar de ficar como opção no banco de reservas, o ex-botafoguense Loco Abreu faz a projeção do que seu time encontrará no Centenário.

"Nós somos os donos da casa, mas a necessidade é deles. Podemos esperar e sair nos contra-ataques. O Boca não tem margem de erro, precisa buscar a vitória. Mas a torcida vai nos empurrar e vamos querer o resultado", afirmou.

Um dos desfalques do time anfitrião é o defensor colombiano Efraín Cortés, que sofreu uma pancada no tórax durante jogo no fim de semana e está vetado para o confronto. Alejandro Lembo também está fora, por suspensão.

Na chave do Corinthians: Ainda nesta quinta-feira, os dois piores times do Grupo 5 se enfrentam. Pela primeira vez desde a morte do torcedor Kevin Espada, o San José volta a jogar em casa pela Copa Libertadores, em Oruro, contra o Millonarios.

A partida de estreia dos bolivianos no estádio Jesús Bermúdez neste torneio continental terminou com uma tragédia: a morte do torcedor, atingido por um sinalizador disparado do setor em que estavam corintianos. Por conta disso, 12 alvinegros seguem detidos em Oruro, apesar de um menor de idade ter assumido a responsabilidade pelo artefato.

Depois do episódio, o San José disputou duas partidas fora de casa, ambas com derrotas, e volta agora aos seus domínios. Com apenas um ponto, na lanterna do grupo, o time boliviano jogará contra o Millonarios, que é o penúltimo colocado, com três.



--------------

São Paulo vai à Argentina e põe em jogo sua permanência na Libertadores
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

iG São Paulo

Equipe paulista precisa derrotar o Arsenal de Sarandi se quiser evitar o risco de uma eliminação precoce no torneio continental

A estabilidade do São Paulo na sequência da fase de grupos da Libertadores está ligada necessariamente a uma vitória sobre o Arsenal, nesta quinta-feira. Com Ney Franco cada vez mais pressionado no cargo, ninguém no clube cogita repetir o empate em 1 a 1 ocorrido no Pacaembu, semana passada, o que ameaçaria a segunda colocação e, por consequência, a vaga no mata-mata.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A equipe brasileira está somente um ponto à frente do terceiro colocado, The Strongest. A diferença para o Arsenal, lanterna da chave, também não é confortável. Os argentinos conquistaram seu primeiro ponto justamente diante do São Paulo e agora podem igualar a pontuação se saírem vitoriosos neste reencontro, marcado para 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira.

Veja também: Atacantes se dizem prontos para suprir a ausência de Luis Fabiano

"É fundamental vencer. O time vem conseguindo isso no Paulista, mas não na Libertadores. Tecnicamente, às vezes a gente não tem conseguido desenvolver as coisas que temos na cabeça", opinou o goleiro e capitão Rogério Ceni, antes de analisar o adversário."É um time que joga (sempre) da mesma maneira, com duas linhas de quatro. Um time muito competitivo, aguerrido, e acho que o jogo vai ser parecido com o do Pacaembu. Mas espero que o resultado seja melhor", completou o camisa 1, referindo-se ao inesperado 1 a 1 da semana passada.

Para conseguir um resultado melhor, o São Paulo deve superar importantes baixas. Wellington e Luis Fabiano, suspensos por cartões amarelo e vermelho respectivamente, não viajaram à Argentina. O substituto do volante se definiu em treino fechado e não foi revelado por Ney Franco. Mas a reposição do centroavante é sabida: Aloísio sairá da ponta direita para voltar à sua posição de origem.

Leia também: Expulsões no São Paulo preocupam Rogério Ceni: "Temos que tentar acabar com 11"

"É bem diferente. Como segundo atacante, eu acompanho o lateral. O centroavante fica mais nos dois zagueiros ou volta para um pouco no volante. Como centroavante, estou mais perto do gol. Espero fazer gols, como fiz também no Figueirense", comparou Aloísio.

Do lado argentino, a pressão é ainda maior, já que os comandados de Gustavo Alfaro só tem um ponto. "Não cabe outro resultado que não seja a vitória. Sabemos a importância que tem a partida", reconheceu o lateral direito Danilo Gerlo, ao cobrar dedicação extrema no duelo decisivo.

"Temos que jogar uma partida intensa, com alto nível de concentração, com pressão alta. Não podemos atacar como loucos, mas temos que jogar 90 minutos intensamente", receitou o argentino, que foi titular no primeiro confronto.

FICHA TÉCNICA
ARSENAL-ARG X SÃO PAULO

Local: Estádio Julio Grondona, em Sarandí (Argentina)
Data: 14 de março de 2013, quinta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Omar Ponce (EQU)
Assistentes: Luis Alvarado (EQU) e Byron Romero (EQU)

ARSENAL: Campestrini; Gerlo, Cuesta, Braghieri, Cuesta e Pérez; López, Marcone, Lugüercio e Carbonero; Rolle e Furch
Técnico: Gustavo Alfaro

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Rodrigo Caio, Lúcio, Rafael Toloi e Cortez; Fabrício, Denilson e Jadson; Douglas, Osvaldo e Aloísio
Técnico: Ney Franco

?* Com Gazeta Esportiva



--------------

Clubes não se importam com jogo da seleção em plena rodada dos Estaduais
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 05:00:30

Pedro Taveira

Principais equipes brasileiras não têm grandes partidas no final de semana do amistoso entre Brasil e Bolívia, que visa ajudar família de jovem morto por sinalizador

A seleção brasileira fará um amistoso contra a Bolívia no dia 6 de abril para ajudar a família do jovem morto na partida do Corinthians pela Libertadores. Procurados pelo iG Esporte, dirigentes de grandes clubes do País ficaram evitaram criticar a decisão da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) de marcar o jogo em um final de semana de rodada normal pelos campeonatos estaduais.

Leia mais: Osvaldo, do São Paulo, substiturá o lesionado Lucas em amistosos na Europa

Pelo São Paulo, o vice-presidente João Paulo de Jesus Lopes afirmou que o time não foi comunicado pela entidade sobre o amistoso. O dirigente falou que somente irá se pronunciar sobre ter de ceder ou não algum atleta quando a lista de convocados for definida. Nesta quarta-feira, o atacante Osvaldo foi chamado para encarar Itália e Rússia.

?Não recebemos nenhuma comunicação a respeito e vamos aguardar para ter um posicionamento. Não tenho o que opinar a respeito da causa [do amistoso]. Se a CBF entendeu que deve fazer, tudo bem. Vamos avaliar se nossos interesses serão prejudicados para depois nos posicionarmos?, disse Jesus Lopes.

Veja também: Paulo Nobre vai chefiar delegação da seleção em jogos amistosos

Posturas semelhantes tiveram Odílio Rodrigues, presidente em exercício do Santos, e Felipe Bruno, diretor de comunicação do Flamengo. No caso do santista, a preocupação está em uma possível nova convocação de Neymar, que também disputará os jogos contra Itália e Rússia neste mês.

Já o diretor de futebol do Internacional Newton Drummond entende que não teria problemas em ceder algum jogador para a seleção para este compromisso devido a seu ?caráter simbólico?.

?A CBF está procurando dar uma demonstração de que o Brasil, como país, sofreu o impacto. É uma coisa diplomática. Se negar a ceder jogador em um jogo diferente como este é complicado. A não ser que tenhamos uma final, pediríamos para não convocar alguém, se for o caso?, analisou Drummond.

Mesma opinião tem o gerente de futebol do Corinthians, Edu Gaspar. O dirigente lembrou que não é comum que o clube paulista peça para que atletas não sejam chamados.

?É um ponto delicado, um ato nobre, tanto da seleção como do presidente Marin. Mas o mais importante é como a família [da vítima] vai receber isso, se vai ver de forma positiva ou não. Sei o quanto é difícil e espero que essa notícia chegue para confortar um pouco. O Corinthians sempre respeitou as decisões dos treinadores da seleção e provavelmente não fará nenhum tipo de objeção?, afirmou Gaspar.

A questão da família de Kevin Espada, o jovem morto no acidente com um sinalizador, também foi lembrada por Gilson Kleina, técnico do Palmeiras.

?Ajudar a família do Kevin é de grande valia. Por mais que seja a fortuna que se dê aos pais, não vai tirar a dor da perda. Já é pelo menos uma iniciativa de querer ajudar pelos erros que nós cometemos. E não é fazer campanha, mas o Henrique tem condições de ser convocado pela seleção brasileira. Não me causaria surpresa e não tem problema, não?, explicou Kleina.

Alexandre Kalil, presidente do Atlético-MG, evitou falar sobre o assunto: ?Isso é coisa da CBF e do Corinthians e não vou comentar?. Dirigentes de Grêmio, Fluminense e Botafogo não foram localizados.

O iG Esporte analisou a tabela dos grandes clubes brasileiros e constatou que todos jogarão contra equipes menores de seus respectivos estados no final de semana do amistoso com a Bolívia. Não haverá nenhum clássico nesta data.



--------------

Corintianos comemoram volta da torcida contra e#8216;catimbeiroe#8217; Tijuana
Fonte: Terra - Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 03:00:10

O triunfo sobre o Tijuana teve um sabor especial para os jogadores do Corinthians. Além de coroar o reencontro com os torcedores no Pacaembu com uma vitória, a equipe alvinegra teve a chance de dar o troco nos mexicanos após ouvir gritos de "olé" e provocações dos adversários na partida como visitante.

--------------

Após derrota, Dorival assume responsabilidade e nega "caos"
Fonte: Terra - Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 02:59:42

Apeoacute;s aenbsp;derrota por 3 a 2, de virada, para o Resende, o teeacute;cnico Dorival Jeuacute;nior assumiu a responsabilidade pelo resultado adverso, mas afirmou que o time do Flamengo vai se recuperar na Taeccedil;a Rio e lutar por uma vaga nas semifinais. A equipe rubro negra terminou o primeiro tempo do confronto vencendo por 2 a 0, mas na etapa final acabou levando treecirc;s gols.

--------------

Ganso quebra mistério de Ney Franco: 'Não jogo amanhã. Estou no ... - O POVO Online
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 02:36:08


O POVO Online

Ganso quebra mistério de Ney Franco: 'Não jogo amanhã. Estou no ...
O POVO Online
O técnico Ney Franco não deixou que a imprensa tivesse acesso a nenhum dos três treinos que fez para o jogo contra o Arsenal (ARG), pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores. Não revelou, também, qual será a equipe titular para o confronto ...
Preocupado, São Paulo pega o Arsenal na ArgentinaBem Parana
São Paulo duela hoje contra o Arsenal-ARGGazeta de Alagoas
São Paulo encara o jogo de hoje na Argentina como uma "decisão''Umuarama Ilustrado
Agência Tricolormania -Futebolinterior -Terra Brasil
todos os 57 artigos »


--------------

Nadal vira sobre Gulbis e pega Federer nas quartas em Indian Wells - Terra Brasil
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 02:33:47


AHE! Portal de Esportes Olímpicos

Nadal vira sobre Gulbis e pega Federer nas quartas em Indian Wells
Terra Brasil
O espanhol Rafael Nadal sofreu nesta quarta-feira para derrotar o letão Ernests Gulbis, de virada, e garantir sua classificação para as quartas de final do Masters 1000 de Indian Wells. O ex-líder do ranking mundial levou 2 horas e 33 minutos para fazer 2 ...
Federer sua contra Wawrinka, bate parceiro de duplas e avança nos ...Globo.com
Rafael Nadal bate Ernests Gulbis e pega Roger Federer nas ...AHE! Portal de Esportes Olímpicos
Federer e Murray suam, mas avançam em Indian WellsDiario de Guarapuava
Diário do Grande ABC -Diário Digital -Superesportes
todos os 20 artigos »


--------------

Nadal vira sobre Gulbis e pega Federer nas quartas em Indian Wells
Fonte: Terra - Esporte
Horário da matéria: 14/03/2013 às 02:33:28

O espanhol Rafael Nadal sofreu nesta quarta feira para derrotar o leteatilde;o Ernests Gulbis, de virada, e garantir sua classificaeccedil;eatilde;o para as quartas de final do Masters 1000 de Indian Wells. O ex leiacute;der do ranking mundial levou 2 horas e 33 minutos para fazer 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/4 e 7/5.

--------------

Os "likes" do Facebook mostram a sua personalidade - Tecmundo
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 12/03/2013 às 16:56:36


Info Online

Os "likes" do Facebook mostram a sua personalidade
Tecmundo
Com esse tipo de informação, é possível traçar suas inclinações políticas, sexuais e diversos outros aspectos da sua vida. Visualizações 5.281 visualizações. Por Rafael Gazzarrini em 12 de Março de 2013. Os (Fonte da imagem: Reprodução/E-zash) ...
Pesquisa mostra que "likes" no Facebook revelam mais do que se ...Portal Imprensa
Pesquisadores usam "curtidas" no Facebook para identificar ...Geek
Como o Facebook devassa as nossas vidas... e porque vai continuarExpresso
Sol -Jornalismo PortoNet -Bulhufas
todos os 24 artigos »


--------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário