Pesquisar este blog

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Notícias até 18-02-2013 às 04:31:26

Mais de 57 mil fãs, 5544 bolinhas e 30 kg de prego. Veja números do Brasil Open
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 04:00:46

iG São Paulo

Organização do torneio divulgou dados curiosos da edição de 2013, como os 10.260 litros de água mineral e 1300 garrafas de isotônico

O Brasil Open de 2013 trouxe o bi de Rafael Nadal em terras brasileiras. O espanhol levou para casa uma premiação superior a R$ 160 mil. O torneio também contou com o recorde de público de sua história. Segundo dados da organização, 57.645 pessoas passaram pelo Complexo do Ibirapuera nos sete dias de jogos.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao  Ibirapuera durante o Brasil Open

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao Ibirapuera durante o Brasil Open

Foto: Inovafoto

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas  do Ginásio do Ibirapuera

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas do Ginásio do Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão  entre Nadal e Nalbandian

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão entre Nadal e Nalbandian

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o  título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Foto: Divulgação/Inovafoto

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após  conquistar o Brasil Open

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após conquistar o Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma  bola durante a final do Brasil Open, no  Ibirapuera

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma bola durante a final do Brasil Open, no Ibirapuera

Foto: Divulgação/Inovafoto

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander  Peya comemoram o título de duplas

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander Peya comemoram o título de duplas

Foto: Divulgação/Inovafoto

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um  ponto na partida em que conquistou o título de  duplas do Brasil Open

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um ponto na partida em que conquistou o título de duplas do Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante  de Alund

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante de Alund

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil  Open

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil Open

Foto: Divulgação

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para  a torcida no Ibirapuera

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para a torcida no Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

David Nalbandian comemora ponto na semifinal  do Brasil Open

David Nalbandian comemora ponto na semifinal do Brasil Open

Foto: Gazeta Press

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar  grande poça d'água

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar grande poça d'água

Foto: Mauricio Nadal


Alguns números curiosos chamam a atenção. Mais de 5 mil bolinhas foram usadas pelos tenistas em jogos e treinos durante o torneio. A organização também forneceu 10.260 litros de água mineral e 1300 garrafas de isotônico aos atletas.

Um outro dado inusitado se destaca: os 30 kg de prego usados no evento. O material é utilizado para fixar o piso de saibro, além de mais de um quilômetro de linha

Veja os números curiosos do evento:


- 455.775 dólares é a premiação total do Brasil Open 2013. O campeão de simples leva US$ 82.300, mais de R$ 161 mil
- 652 empregos são gerados pelo torneio: 120 diretos e 532 indiretos
- 230 profissionais de mídia, de 110 veículos, foram credenciados para cobrir o evento
- 5.544 bolinhas de tênis Wilson utilizadas pela organização
- 10.260 litros de água mineral foram fornecidos pela organização ao longo do torneio. São 500 caixas com 48 copinhos plásticos de 300 ml, mais 500 caixas com 12 garrafas de 510 ml cada uma
- 1.300 garrafas de isotônico fornecidas aos tenistas
- 600 toalhas utilizadas pelos jogadores
- 240 m3 de saibro utilizados para montar as três quadras sobre as quais o torneio foi disputado
- 10 toneladas de pó de telha levados até o Ibirapuera para cobrir as três quadras
- 1.100 metros de linha para as marcações das quadras
- 30 kg de prego.
- 320 kg de gelo utilizados a cada dia no Complexo Desportivo Constâncio Vaz Guimarães
- 600 refeições servidas diariamente para jogadores, imprensa e staff
- 4 dúzias de bananas levadas todos os dias ao ginásio, para consumo exclusivo dos tenistas



--------------

Diretor do Brasil Open nega 'overbooking' e indica falsificação de ingressos
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 04:00:46

Mauricio Nadal

Roberto Burigo lamentou o fato de muitos torcedores, que pagaram até R$ 300 por um ingresso, ficarem sentados nas escadas e disse que ocorreu a venda de ingressos falsos

O Ginásio do Ibirapuera ficou lotado no Brasil Open, principalmente nas partidas do Rafael Nadal, grande atração e campeão do torneio neste domingo. Mas, parte da torcida que compareceu ao evento sofreu com falta de assentos no anel inferior e foi forçada a se acomodar nas escadas ou mesmo ficar de pé, após pagar R$ 300 (inteira) ou R$ 150 (meia) para os ingressos deste domingo.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O diretor geral do Brasil Open, Roberto Burigo, negou que foram vendidos mais ingressos do que a capacidade do Ginásio e sugeriu a falsificação de ingressos para os jogos.

Leia mais: Premiação tem Nadal quase derrubando o troféu e vaias para Aldo Rebelo

"O que posso dizer é que não distribuímos mais ingressos do que a capacidade do ginásio. Mas houve em diversos pontos a questão da falsificação de ingressos que vamos avaliar. É prematuro dizer qualquer coisa agora", disse Burigo. Vale lembrar que os ingressos vinham com lugares marcados, que não foram respeitados pelos torcedores em nenhum dos dias. Quem chegava primeiro ocupava o assento à sua escolha.

Confira ainda: Nadal vê 'incrível' Ronaldo como exemplo e quer recomeço após título no Brasil

A falta de lugares para os torcedores do anel inferior gerou descontentamento e discussão. Muitas vezes o que se viu foram debates acolorados entre os fãs e os seguranças, que tentavam, sem sucesso, barrar a entrada das pessoas. Dessa forma, alguns torcedores se sentavam nas escadas e invadiam a parte da arquibancada destinada à imprensa.

Veja as melhores fotos do Brasil Open:

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao  Ibirapuera durante o Brasil Open

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao Ibirapuera durante o Brasil Open

Foto: Inovafoto

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas  do Ginásio do Ibirapuera

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas do Ginásio do Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão  entre Nadal e Nalbandian

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão entre Nadal e Nalbandian

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o  título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Foto: Divulgação/Inovafoto

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após  conquistar o Brasil Open

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após conquistar o Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma  bola durante a final do Brasil Open, no  Ibirapuera

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma bola durante a final do Brasil Open, no Ibirapuera

Foto: Divulgação/Inovafoto

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander  Peya comemoram o título de duplas

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander Peya comemoram o título de duplas

Foto: Divulgação/Inovafoto

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um  ponto na partida em que conquistou o título de  duplas do Brasil Open

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um ponto na partida em que conquistou o título de duplas do Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante  de Alund

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante de Alund

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil  Open

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil Open

Foto: Divulgação

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para  a torcida no Ibirapuera

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para a torcida no Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

David Nalbandian comemora ponto na semifinal  do Brasil Open

David Nalbandian comemora ponto na semifinal do Brasil Open

Foto: Gazeta Press

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar  grande poça d'água

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar grande poça d'água

Foto: Mauricio Nadal


Quadras com buracos e bola de má qualidade
As quadras do complexo do Ibirapuera foram alvo de muitas críticas dos tenistas, como David Nalbandian e o italiano Fabio Fognini, durante a competição por ter 'buracos' e desníveis de superfície. 

"A empresa que faz a quadra é a mesma que já prestou serviços para a gente no ano passado, e tem bastante tempo e experiência no mercado. Desta vez, as quadras não ficaram a contento dos jogadores. Na próxima vez, vamos fazer com que as quadras sejam testadas antes do torneio", declarou Burigo.

Veja também: Goteiras, lama e poças d'água fazem parte do 'rally' da torcida no Ibirapuera

Já Rafael Nadal criticou diretamente a ATP pelas bolas escolhidas pelo torneio em todas as suas coletivas, pois perdem os pêlos rapidamente. "Não tem um critério muito específico para escolher a bola. O importante é que a gente cumpra as regras e as exigências. E foi cumprido", disse o diretor do torneio. A Wilson, fornecedora das bolinhas, chegou a emitir um comunicado alegando que a mesmas preenchem as normas da ATP.

Roberto Burigo garantiu que a organização do torneio vai avaliar todas as críticas para dar melhorias para a próxima edição do evento, mas se disse satisfeito pelo resultado final da competição, que levou mais de 57 mil pessoas ao Ibirapuera.

"Todo mundo está de parabéns. Os patrocinadores estão todos contentes. A intenção é sempre melhorar. Vai ser difícil a gente se superar. Mas com certeza [as próximas edições] serão um sucesso", concluiu o diretor do Brasil Open.



--------------

Diretor do Brasil Open nega 'overbooking' e indica falsificação de ingressos
Fonte: IG Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 04:00:46

Mauricio Nadal

Roberto Burigo lamentou o fato de muitos torcedores, que pagaram até R$ 300 por um ingresso, ficarem sentados nas escadas e disse que ocorreu a venda de ingressos falsos

O Ginásio do Ibirapuera ficou lotado no Brasil Open, principalmente nas partidas do Rafael Nadal, grande atração e campeão do torneio neste domingo. Mas, parte da torcida que compareceu ao evento sofreu com falta de assentos no anel inferior e foi forçada a se acomodar nas escadas ou mesmo ficar de pé, após pagar R$ 300 (inteira) ou R$ 150 (meia) para os ingressos deste domingo.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O diretor geral do Brasil Open, Roberto Burigo, negou que foram vendidos mais ingressos do que a capacidade do Ginásio e sugeriu a falsificação de ingressos para os jogos.

Leia mais: Premiação tem Nadal quase derrubando o troféu e vaias para Aldo Rebelo

"O que posso dizer é que não distribuímos mais ingressos do que a capacidade do ginásio. Mas houve em diversos pontos a questão da falsificação de ingressos que vamos avaliar. É prematuro dizer qualquer coisa agora", disse Burigo. Vale lembrar que os ingressos vinham com lugares marcados, que não foram respeitados pelos torcedores em nenhum dos dias. Quem chegava primeiro ocupava o assento à sua escolha.

Confira ainda: Nadal vê 'incrível' Ronaldo como exemplo e quer recomeço após título no Brasil

A falta de lugares para os torcedores do anel inferior gerou descontentamento e discussão. Muitas vezes o que se viu foram debates acolorados entre os fãs e os seguranças, que tentavam, sem sucesso, barrar a entrada das pessoas. Dessa forma, alguns torcedores se sentavam nas escadas e invadiam a parte da arquibancada destinada à imprensa.

Veja as melhores fotos do Brasil Open:

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao  Ibirapuera durante o Brasil Open

Mais de 57 mil pessoas compareceram ao Ibirapuera durante o Brasil Open

Foto: Inovafoto

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas  do Ginásio do Ibirapuera

Torcida foi forçada a se acomodar nas escadas do Ginásio do Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão  entre Nadal e Nalbandian

Ronaldo e Anderson Silva acompanham a decisão entre Nadal e Nalbandian

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o  título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Rafael Nadal comemora o ponto que lhe deu o título do Brasil Open, diante de David Nalbandian

Foto: Divulgação/Inovafoto

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após  conquistar o Brasil Open

O espanhol Rafael nadal exibe o troféu após conquistar o Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma  bola durante a final do Brasil Open, no  Ibirapuera

O tenista espanhol Rafael Nadal devolve uma bola durante a final do Brasil Open, no Ibirapuera

Foto: Divulgação/Inovafoto

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander  Peya comemoram o título de duplas

Com camisas trocas, Bruno Soares e Alexander Peya comemoram o título de duplas

Foto: Divulgação/Inovafoto

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um  ponto na partida em que conquistou o título de  duplas do Brasil Open

O brasileiro Bruno Soares comemora mais um ponto na partida em que conquistou o título de duplas do Brasil Open

Foto: Divulgação/Inovafoto

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante  de Alund

Rafael Nadal comemora ponto na vitória diante de Alund

Foto: Inovafoto

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil  Open

Rafael Nadal em ação na semifinal do Brasil Open

Foto: Divulgação

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para  a torcida no Ibirapuera

Nadal quase joga relógio de R$ 1 milhão para a torcida no Ibirapuera

Foto: Gazeta Press

David Nalbandian comemora ponto na semifinal  do Brasil Open

David Nalbandian comemora ponto na semifinal do Brasil Open

Foto: Gazeta Press

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar  grande poça d'água

Fãs precisaram desviar o caminho para evitar grande poça d'água

Foto: Mauricio Nadal


Quadras com buracos e bola de má qualidade
As quadras do complexo do Ibirapuera foram alvo de muitas críticas dos tenistas, como David Nalbandian e o italiano Fabio Fognini, durante a competição por ter 'buracos' e desníveis de superfície. 

"A empresa que faz a quadra é a mesma que já prestou serviços para a gente no ano passado, e tem bastante tempo e experiência no mercado. Desta vez, as quadras não ficaram a contento dos jogadores. Na próxima vez, vamos fazer com que as quadras sejam testadas antes do torneio", declarou Burigo.

Veja também: Goteiras, lama e poças d'água fazem parte do 'rally' da torcida no Ibirapuera

Já Rafael Nadal criticou diretamente a ATP pelas bolas escolhidas pelo torneio em todas as suas coletivas, pois perdem os pêlos rapidamente. "Não tem um critério muito específico para escolher a bola. O importante é que a gente cumpra as regras e as exigências. E foi cumprido", disse o diretor do torneio. A Wilson, fornecedora das bolinhas, chegou a emitir um comunicado alegando que a mesmas preenchem as normas da ATP.

Roberto Burigo garantiu que a organização do torneio vai avaliar todas as críticas para dar melhorias para a próxima edição do evento, mas se disse satisfeito pelo resultado final da competição, que levou mais de 57 mil pessoas ao Ibirapuera.

"Todo mundo está de parabéns. Os patrocinadores estão todos contentes. A intenção é sempre melhorar. Vai ser difícil a gente se superar. Mas com certeza [as próximas edições] serão um sucesso", concluiu o diretor do Brasil Open.



--------------

Tite admite confusão defensiva com Palmeiras sem atacantes - O Documento
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 03:20:54


panoramabrasil.com.br

Tite admite confusão defensiva com Palmeiras sem atacantes
O Documento
Vinícius e Patrick Vieira abertos, Wesley e Souza na meio e nenhum homem de área. A configuração ofensiva do Palmeiras, admitiu o treinador Tite, confundiu o sistema defensivo do Corinthians no empate por 2 a 2, neste domingo, no Pacaembu. Depois ...
Cássio reconhece falha no segundo gol do PalmeirasFutNet
Romarinho comemora oportunismo contra o PalmeirasR7
Romarinho corrige erro de Cássio e tira vitória do PalmeirasGazeta Esportiva
Bem Parana -Futebolinterior -Ribeirão Preto Online
todos os 170 artigos »


--------------

Reality show com namorada de Pistorius incomoda sul-africanos
Fonte: Correio do Estado
Horário da matéria: 18/02/2013 às 03:00:00




--------------

NBA: Oeste vence All Star Game e Chris Paul é eleito MVP
Fonte: Terra - Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 02:52:34



--------------

Cássio reconhece falha no segundo gol do Palmeiras
Fonte: FutNet
Horário da matéria: 18/02/2013 às 02:08:00

Goleiro fala sobre o jogo

--------------

Romarinho comemora oportunismo contra o Palmeiras - R7
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 02:06:16


panoramabrasil.com.br

Romarinho comemora oportunismo contra o Palmeiras
R7
O atacante Romarinho provou mais uma vez a sina de sempre marcar contra o Palmeiras. O atacante aproveitou uma jogada de Pato para empatar o clássico em 2 a 2 neste domingo (17), no Pacaembu. Esse foi o quarto gol do atacante em três jogos contra ...
Cássio reconhece falha no segundo gol do PalmeirasFutNet
Palmeiras e Corinthians empatam no PacaembuBem Parana
Corinthians e Palmeiras ficam no empate e se mantém no G8Ribeirão Preto Online
ESPN.Estadao -Futebolinterior -Gazeta Esportiva
todos os 170 artigos »


--------------

Morata marca e Real Madrid vence o duelo local contra o Rayo Vallecano
Fonte: FutNet
Horário da matéria: 18/02/2013 às 02:03:00

Jovem marcou um dos gols do Real

--------------

Messi marca duas vezes e Barcelona vence o Granada
Fonte: FutNet
Horário da matéria: 18/02/2013 às 01:57:00

Craque alcança marca de 300 gols pelo Barça

--------------

Hakeem Olajuwon é premiado como Lenda do Ano no All Stars Weekend
Fonte: Terra - Esporte
Horário da matéria: 18/02/2013 às 01:10:11

O ex jogador do Houston Rockets, Hakeem Olajuwon, foi reconhecido pela Associação Nacional de Lendas de Jogadores de Basquete Aposentados, como "A Lenda do Ano".

--------------

Na estreia de Diego Souza, Cruzeiro empata com Guarani, mas ... - Superesportes
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 17/02/2013 às 22:48:49


Yahoo! Esportes

Na estreia de Diego Souza, Cruzeiro empata com Guarani, mas ...
Superesportes
Sem o mesmo brilhantismo das duas últimas partidas do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro empatou com o Guarani, em 0 a 0, na Arena do Calçado, em Nova Serrana. Nas estreias do meia Diego Souza, apagado, e do atacante Luan, que entrou na etapa ...
Marcelo Oliveira lamenta redução de vantagem para Atlético-MGTerra Brasil
Marcelo Oliveira analisa empate do Cruzeiro contra o Guarani/MGFutNet
Guarani-MG 0 x 0 Cruzeiro: Goleiro do Guarani garante empate ...Goal.com
Gazeta Esportiva -Diário do Grande ABC -Paraná-Online
todos os 86 artigos »


--------------

Empresário visita Pistorius, e promete lista de eventos cancelados - Correio do Estado
Fonte: Google - Esporte
Horário da matéria: 17/02/2013 às 22:06:19


O POVO Online

Empresário visita Pistorius, e promete lista de eventos cancelados
Correio do Estado
O empresário do paratleta sul-africano Oscar Pistorius, Peet van Zyl, afirmou neste domingo que a carreira de seu cliente "vai sofrer muito", e que a maioria de suas corridas e compromissos profissionais será cancelada. Van Zyl visitou o corredor na tarde ...
Agente agora cancela todas as corridas de PistoriusDiário do Grande ABC
Pistorius cancela competições para se concentrar em defesaBBC Brasil
Agente de Pistorius cancela revanche contra Alan FontelesTerra Brasil
R7
todos os 7 artigos »


--------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário